Buscar
  • Iriam Damas

O Vazio Criador ou Centro Vazio

No trabalho com as cartas Falas Sistêmicas eu costumo fazer a sugestão de que a pessoa antes de começar, faça um centramento, uma conexão com o Centro Vazio, ou Vazio Criador, para deste lugar, começarmos efetivamente o trabalho com as cartas, seja num auto trabalho, ou com um cliente. E esta conexão já vem sendo indicada desde sempre por Bert Hellinger para todo trabalho com as Constelações, como preparação para qualquer terapeuta. No seu livro O essencial é simples ele comenta mais sobre o que significa o Centro Vazio, e trago uma extração integral de seu escrito a seguir:

"O centro vazio

Gostaria de dizer algo sobre a atitude do terapeuta neste trabalho. Eu não faço grandes reflexões porque me atenho a um velho amigo meu, um certo Lao Tse, que morreu há muito tempo. Ele fala do efeito sobre o recolherse no centro vazio.

Quem se recolhe ao centro vazio está sem intenção e sem medo. De repente, algo se ordena ao seu redor sem que ele se movimente. Essa é uma postura apropriada para o terapeuta: que ele se recolha ao centro vazio. Ele não precisa fechar os olhos ao fazer isso. O centro vazio está conectado. Não está fechado. Ele se afasta sem medo. Isso é muito importante. Quem tem medo do que poderia acontecer, pode desistir, e ele permanece sem intenção, sem intenção de curar.

No centro vazio — isto é naturalmente apenas uma imagem — se está conectado. Nessa conexão, quando nos submetemos, emergem, de repente, imagens — imagens de solução. Seguimos, então, as imagens. E nisso acontecem também erros, é bem claro. Mas os erros se regulam através do eco que vem.

Portanto, o terapeuta não precisa ser perfeito nessa postura. Ele também não se arroga a ser superior. Ele está apenas quieto nesse centro. Então, esse tipo de trabalho dá resultado.

É a humildade que desempenha aqui um importante papel, essa ausência de intenção que concorda com o doente assim como ele é, que concorda com a sua doença, assim como ela é, concorda com o seu destino, assim como ele é. Ninguém é mais forte para vencer o seu destino do que aquele a quem ele pertence.

O terapeuta é apenas alguém que está ao seu lado e, em sua presença, o cliente desenvolve suas próprias forças. Mas é esse nãointerferir, esse apenas estar ao

lado, que atua..."

Texto integralmente extraido do livro O essencial é simples de Bert Hellinger, editora Atman, 2a. edição - 2006

As Falas Sistêmicas incentivam a aquisição deste livro, para valorização do trabalho do autor, da editora, dos tradutores e todos os envolvidos em trazer o conhecimento precioso partilhado neste livro. Para comprar diretamente no site da editora: http://www.atmaneditora.com.br/livros/o-essencial-e-simples.html (link acessado em 04/5/2018 e se eventualmente ele estiver fora do ar, pode-se buscar pelo link principal da editora: http://www.atmaneditora.com.br/)

* No site das Falas Sistêmicas eu trago uma sugestão de como fazer esta conexão através de uma meditação da Brigitte Champetier de Ribes: https://www.falassistemicas.com.br/como-utilizar


305 visualizações
  • Facebook
  • YouTube

2017-2019 © Iriam Damas